segunda-feira, 27 de junho de 2011

Empresa terá 48 horas para explicar denúncias de plágio no Concurso de Coaraci

Depois das denúncias de plágio nas questões da prova específica para o cargo de enfermeiro, no concurso Público da Prefeitura Municipal de Coaraci, divulgada pela imprensa regional (veja aqui), o Instituto de Estudos, Pesquisa e Desenvolvimento Municipal (IEPDM) terá 48 horas para dar explicações sobre o caso. O ultimato foi dado pela chefe do poder executivo municipal nesta segunda-feira (27).

Por meio de uma nota pública, a prefeita Josefina Castro disse que o prazo para que a empresa esclareça o que aconteceu é a melhor medida a ser tomada neste momento.

Além da denúncia de plágio a empresa responde à uma série de recursos de candidatos, que contestam a “compatibilidade dos gabaritos”.

Confira a íntegra da nota:

A PREFEITA MUNICIPAL DE COARACI, Estado da Bahia, após denúncias de irregularidades no Concurso Público n° 001/2011, realizado sob a responsabilidade da empresa INSTITUTO DE ESTUDOS REGIONAIS E DESENVOLVIMENTO MUNICIPAL - IEPDM vem a público prestar os seguintes ESCLARECIMENTOS:
   1. Que, no intuito de certificar-se da veracidade das denúncias, solicitou a empresa INSTITUTO DE ESTUDOS REGIONAIS E DESENVOLVIMENTO MUNICIPAL - IEPDM apresente, no prazo de 48 (quarenta e oito) horas, as explicações necessárias de modo a elucidar as denúncias referentes à aplicação das provas, plágio de questões e incompatibilidades dos gabaritos.
   2. Informamos ainda que o INSTITUTO DE ESTUDOS REGIONAIS E DESENVOLVIMENTO MUNICIPAL - IEPDM foi selecionado mediante regular processo licitatório, que contou a participação de 05 (cinco) empresas, apresentando em momento próprio documentação comprobatória de empresa profissional de ilibada reputação e que atende a todos os ditames da Lei.
    Certos de que esta é a melhor decisão para o esclarecer aos candidatos inscritos e comunidade regional sobre as acusações lançadas, agradecemos a atenção e compreensão.
    Atenciosamente,

JOSEFINA CASTRO
Prefeita Municipal

Nenhum comentário:

Postar um comentário