sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Em comício independente, candidato a vereador chama ex-prefeito de “cacique”

O ex-diretor de cultura de Coaraci e candidato a vereador pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT), Ednilson Cardoso, popularmente conhecido como Tudo, realizou na noite desta quinta-feira (30)  seu primeiro comício independente, depois de deixar à coligação encabeçada por Jadson Albano (PR). Em seu pronunciamento, aos olhares de uma plateia multi-partidária, que foi até à Praça Edson Mathias (Praça da Comac), Tudo falou sobre sua saída do grupo ao qual fazia parte e chamou o ex-prefeito Gima de “cacique”. 

“Não adianta vocês perderem o tempo de vocês que vieram pra gravar, porque desde quando eu coloco um trio na praça, que falo no tom de voz que estou falando, é porque não estou com medo de falar nada. Então não precisa estar gravando, basta mandar que o seu cacique venha para a praça também ouvir”, disparou, se referindo a correligionários que estariam presentes gravando suas palavras. O candidato afirmou ainda que “não suportava mais estar onde estava” e não poupou alfinetadas ao governo ao qual fez parte. 

Depois de 9 anos defendendo a bandeira do ex-gestor, Tudo agora se alia ao candidato do PRB, Milton Cerqueira. E o presidente municipal da legenda, José Vanderlino Barbosa, o Mamigo, compareceu ao comício e deu as boas vindas ao recém-chegado. 

Por ser filiado ao PDT, partido que faz parte da coligação Jadson-pastor Reginaldo, Tudo não pode participar de comícios coletivos em seu novo grupo e deve seguir realizando encontros independentes.

Outro que também trocou o palanque do PR pelo do PRB e renunciou a candidatura foi o "Pai Miúdo". Antes, Gima já tinha perdido o apoio da ex-vereadora Teresinha Sales, que passou a integrar o grupo da atual prefeita Josefina Castro (PT).     

Nenhum comentário:

Postar um comentário