segunda-feira, 29 de abril de 2013

30 de abril, o fim do MSN

O dia 30 de abril marca o fim de uma era para a comunicação digital na internet. É a data marcada pela Microsoft para desligar de vez o Windows Live Messenger – mais conhecido no Brasil como MSN. A aposentadoria do serviço deve afetar cerca de 100 milhões de usuários, que serão forçados a migrar para o Skype, que a Microsoft comprou em 2011 por 8,5 bilhões de reais, ou adotar soluções de outras companhias, como o Facebook Messenger e o Gtalk. 

Apesar das reclamações de quem se viu obrigado a deixar o MSN, a Microsoft se mantém otimista e afirma que a migração para o Skype só trará benefícios. Com mais de 300 milhões de usuários ao redor do mundo, o Skype vai além da troca de mensagens pela internet, permitindo ligações para telefones fixos e móveis. Em entrevista exclusiva ao site de VEJA, Parri Munsell, diretor de integração de marketing da Skype, fala sobre os problemas da transição e planos para integrar novas funcionalidades ao produto que vai substituir o Live Messenger.

Nenhum comentário:

Postar um comentário