terça-feira, 1 de abril de 2014

TRE mantem prefeita de Floresta Azul no cargo

A prefeita de Floresta Azul, Sandra Cardoso (DEM), conseguiu efeito suspensivo para manter-se no cargo. Ela foi cassada por compra de votos, na semana passada, pelo juiz da 29ª Zona Eleitoral, Alysson Camilo Floriano da Silva. 

A decisão que mantém a prefeita no cargo é do juiz Saulo Casali, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), e já era esperada, pois o tribunal adotou procedimento de só afastar o gestor em decisão de segunda instância. Sandra, porém acumulou outra derrota: os embargos contra a decisão de Alysson Camilo foram julgados improcedentes. 

Na decisão em primeira instância, tanto Sandra como o vice, Jaconias Gusmão (PMDB), perderam os direitos políticos por oito anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário