domingo, 11 de maio de 2014

Chapa oposicionista visitou Itabuna em tarde chuvosa

Bem que a chuva poderia ter colaborado um pouco. Ou por alegria ou não a chuva não parou de cair. Estima-se que cerca de 2 mil pessoas marcaram presença na Quadra do Colégio Ação Fraternal-AFI, em Itabuna para receberem os candidatos Paulo Souto DEM (Governador), Joaci Góis PSDB (Vice) e Geddel Veira Lima PMDB (Senador), além do seu melhor cabo eleitoral do momento, o prefeito de Salvador, ACM Neto DEM e alguns deputados votados na região. 

Em seu discurso, ACM Neto disse que estava participando do evento como eleitor e cabo eleitoral, falou sobre a figura combativa de Geddel e sobre o quanto ele é determinado, competente e apaixonado pela Bahia, assim como foi o seu avô. “Vejo muitas semelhanças entre eles, quando a Bahia tinha ACM no Senado, o estado tinha voz altiva, porque ele brigava pela Bahia. Hoje essa voz está silenciosa, mas com Geddel isso vai mudar porque ele também é um guerreiro”, comentou. A chapa recebeu ainda o apoio do presidente do PPS e vereador da capital baiana, Joceval Rodrigues, durante o evento. Geddel como sempre, fez um grande discurso que prendeu a atenção de todos ao falar da sua vontade de chegar ao senado e ser a voz da Bahia na casa. 

O candidato Paulo Souto Souto criticou o governo petista, onde as promessas feitas à região não saíram do papel e que após oito anos de governo, não concluíram as obras do Centro de Convenções de Itabuna, afirmando que nas suas andanças ele sente que é chegada a hora dos baianos tirar os petistas do governo.Depois de saudar as mães que neste domingo têm seu dia, Paulo Souto disse que a confiança da multidão de itabunenses presentes ao evento aumentava a responsabilidade da chapa oposicionista de atender o anseio da Bahia por mudança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário