segunda-feira, 30 de junho de 2014

Governo cria sistema que reunirá dados sobre registros civis do país

O governo instituiu, nesta sexta-feira (27), o Sistema Nacional de Informações de Registro Civil (Sirc), que terá uma base de dados própria, atualizada diariamente. A medida tem o objetivo de erradicar o sub-registro no país e uniformizar as informações sobre nascimentos, casamentos, óbitos e natimortos. 

De acordo com a ministra da Secretaria de Direitos Humanos (SDH), Ideli Salvatti, há a pretensão de se estabelecer uma gestão integrada, uniformizada, informatizada e com segurança dos dados dos cidadãos com o aperfeiçoamento do Sistema Brasileiro de Registro Civil de Nascimento. A ministra ainda ressaltou o tempo que o país levou para criar esse tipo de sistema. “O Brasil levou muito tempo para acordar sobre a importância de padronizar a base de dados desse documento”, disse Ideli à Agência Brasil. 

Um comitê gestor, formado por oito ministérios, além da Secretaria de Direitos Humanos, do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), administrará o Sirc e estabelecerá as diretrizes para seu funcionamento. De acordo com um decreto da presidente Dilma Rousseff publicado nesta sexta no Diário Oficial da União, os órgãos públicos federais e estaduais, além dos cartórios, terão um ano para se adequar ao novo sistema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário