quarta-feira, 4 de março de 2015

Saiba o que pensam Gima e Milton Cerqueira sobre a sucessão política em Coaraci

Informações da Redação da TV Portal
Após a realização de três reuniões entre os meses de Janeiro e Março de 2015, o ex-prefeito Gima que teve seu filho como segundo colocado nas eleições municipais de 2012 e o ex-vereador Milton Cerqueira que foi o terceiro colocado no mesmo pleito decidiram continuar seguindo caminhos independentes rumo à sucessão 2016. 

O impasse para a união dos grupos já a partir de agora diz respeito a composição da chapa. Milton pediu a Gima uma oportunidade de ser o pré-candidato a prefeito, tendo Jadson como seu pré-candidato a vice. Para Milton que já tem 66 anos, sua idade o credenciaria a encabeçar a chapa, pois Jadson com pouco mais de 30 anos ainda teria uma longa trajetória pela frente. Já Gima entende o posicionamento de Milton, mas argumentou nas reuniões que Jadson perdeu a eleição de 2012 por uma pequena margem de votos e pesquisas de consumo interno estariam colocando-o em plenas condições de vencer às eleições em 2016. 

Fato comum entre ambos nas reuniões diz respeito às despesas de campanha, onde ambos entendem que marchando separados, cada um de um lado, teriam o dobro de despesas que uma composição traria ao grupo. Diante das especulações que tomaram conta do município de Coaraci no último fim de semana em relação a possível união, ambos entenderam que não haveria condição de um ceder para o outro e com isto decidiram informar a comunidade em comum acordo que cada grupo seguirá o seu caminho, não descartando novas conversas no futuro, visto que ainda faltam muitos meses para as eleições. 

“Na realidade, eu fui procurado por Milton, pois precisávamos nos juntar para ganhar as eleições com mais facilidade e eu vi que talvez fosse necessária essa união entre Gima, Jadson e Milton, daí tivemos uma reunião, tivemos uma conversa, só que na realidade o que Milton estava pretendendo é também o que nós estávamos pretendendo. Nós queríamos cabeça de chapa, ele também, queria cabeça de chapa. Naquele momento não ficou definido, marcamos uma outra conversa para mais oito dias e tivemos. Infelizmente não chegamos a um consenso, porque ele quer, é que Jadson seja o vice dele e eu queria que ele fosse o vice de Jadson. Mas conversamos aqui, não tivemos a menor conversa diferenciada um do outro e vamos partir pra luta e Jadson continua pré-candidato a prefeito de Coaraci. Vamos pra luta, vou chamar minha comunidade, essa aqui já é uma resposta, vou chamar minha comunidade, aos meus eleitores, aos meus amigos e participar o que está havendo e partir pra luta e começarmos a trabalhar a pré-candidatura de Jadson. (...) Em política tudo é possível, nós vamos pra luta e de repente lá na frente se tiver uma nova conversa e se vermos que vai ser melhor para Coaraci, porque na realidade, o que nós estamos querendo, tanto eu como ele, queremos o melhor pra Coaraci, só que no momento eu acho que Jadson cabeça de chapa é o melhor e ele é o mesmo pensamento dele e ai fica meio difícil essa integração, essa união, mas em política tudo é possível” disse Gima. 

 “Realmente é isso que Gima acabou de dizer. Eu faço das minhas as palavras de Gima. Realmente é isso, estamos procurando o melhor pra Coaraci. Eu acredito também no filho de Gima, que é o Jadson como também acredito em mim. Acredito muito mais em mim do que nele. Naturalmente tenho que acreditar mais em mim do que nele. Eu sou mais velho, ele ainda vai ter mais oportunidades do que eu e pedi essa oportunidade a Gima. Infelizmente Gima pensa do mesmo jeito, Gima quer também o bem de Coaraci e por isso não houve acordo. Mas a gente vai continuar conversando, Gima vai continuar trabalhando, eu vou continuar também trabalhando com meu pessoal e amanhã que sabe a gente pode se unir como Gima falou. Pode ter certeza de uma coisa, o que está acontecendo é justamente isso. A única dúvida que está tendo é sobre a cabeça de chapa e na hora que tiver um consenso pode ter certeza que essa união vai ser feita” disse Milton Cerqueira. 

Com estes novos acontecimentos, Coaraci agora tem seis pré-candidatos a prefeito: Jadson Albano, Milton Cerqueira, Sérgio Fraife, Kadu, Rosival Carvalho e Carlos Maia. Jadson segue com o apoio do seu pai, o ex-prefeito Gima pelo PR, Milton Cerqueira tem seu grupo político, incluindo um vereador de seu partido (PRB) na Câmara de Vereadores. Sérgio Fraife é o atual vice da prefeita Josefina e tem o apoio do seu partido o PP incluindo o vereador Teta da Saúde também do PP. Kadu, sobrinho da prefeita também se posiciona como pré-candidato pelo PCdoB. Rosival, vereador há 20 anos com cinco mandatos consecutivos lançou na Câmara sua pré-candidatura, muito provavelmente pelo DEM e Carlos Maia, atual presidente da Câmara também já expressou o seu desejo em se candidatar pelo partido solidariedade. 

A não união de Milton e Jadson nesse momento, onde faltam 18 meses para as eleições municipais acalma o cenário político por algum momento, pois caso tivesse se consolidado as demais peças desse xadrez iriam se mexer também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário