segunda-feira, 2 de março de 2015

O ti-ti-ti político em Coaraci

Com a suposta oficialização da aliança entre os dois principais grupos de oposição, o clima político voltou a esquentar em Coaraci. O ti-ti-ti pré-eleitoral é intenso nas ruas e nas redes sociais. 

Os fanáticos tresloucados defensores do governo Josefina veem vantagem encima da possível conjuntura. Eles não acreditam que Milton Cerqueira consiga angariar tantos votos quanto Gima, ou como o jovem Jadson, que obteve uma surpreendente votação em 2012. 

A confiança é tamanha que os mais alucinados chegam a menosprezar a inteligência das pessoas. Para eles não importa se o sobrinho ou o atual vice. Qualquer um venceria. 

Mas sabemos que não é tão simples assim. Afinal de contas, Josefina ainda tem que resolver o imbróglio que tem nas mãos, depois pensar numa possível continuação de sua grei no poder. 

Numa primeira hipótese, o sobrinho candidato não tem força ou expressão política para ser prefeito. Mas alguns querem empurrá-lo goela à baixo do eleitor. Caso isso se confirme, continua tudo em casa. (Em casa da tia). 

A segunda e mais provável possibilidade é a confirmação da candidatura do atual vice Sérgio Fraife. Mas esse parece ter herdado a maldição da neutralização dos vices e pode não decolar. Mas ainda é a opção mais viável. 

Por outro lado, a oposição ainda meio desorientada, tenta afinar o discurso em torno de um nome. 

Milton, apensar de não ter nenhuma experiência administrativa concreta, assim como também não tinha a atual prefeita, e ser pouco carismático, parece ter a resiliência e a persistência dos grandes líderes. 

Jadson possui o encantamento e o fôlego jovem. 

Gima tem seus encantos (e desencantos). 

Até agora nenhum dos políticos falam oficialmente sobre suas posições para 2016, por isso o quadro não passa de especulações e tudo pode mudar. É esperar pra ver.

* GENISSON SANTOS é jornalista MTE 72.584/SP,editor-chefe do Fato Entre Aspas

Um comentário:

  1. E se um outro candidato entrasse nesse senario por um partido novo,que lutasse realmente pelo direito do povo governando para o povo e quebrando essa ideia que so esses que ja estao ou passaram deram prejuizo ao municipio que governaram so pra si,TUDO É POSSIVEL

    ResponderExcluir