segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Coaraciense toma posse como nova presidente do TJ-BA

A desembargadora coaraciense Maria do Socorro tomou posse, na manhã desta segunda-feira (1), como a nova presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). A mesa diretora composta pelos desembargadores Maria da Purificação (1ª vice-presidente), Lícia Laranjeira (2ª vice-presidente), Osvaldo Bomfim (corregedor-geral) e Cynthia Maria Resente (corregedor das comarcas do interior) também foi empossada para o biênio 2016-2018. 

A nova presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), reforçou, durante seu discurso, que quer contar com ajuda dos colegas durante a sua gestão. Segundo ela, será uma "ajuda imprescindível". Na cerimônia realizada no Fórum Ruy Barbosa, a desembargadora lembrou que veio de origem humilde e que sua família teve importância crucial na construção da sua vida e da carreira. Ainda na sua fala, Maria de Socorro agradeceu a ajuda dos colegas desembargadores que confiaram nela ao votar para assumir o cargo de presidente. 

A desembargadora prestou homenagem a seus pais em seu discurso de posse da presidência do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Ela citou como “primeira lição” o amor recebido por Dona Santinha – como era conhecida sua mãe, Maria Barreto Santiago – e com a criação pelo pai, o Antônio Ribeiro Santiago (ex-prefeito de Coaraci). A magistrada citou a mudança que fez nos cabelos cacheados para assumir o cargo de desembargadora e, agora, de presidente do tribunal. “Se fui lisa como desembargadora, como presidente não será diferente”, afirmou. Ela atribuiu ao colega, Mário Alberto Hirs, que a substituiu na presidência do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), o incentivo à transformação e o agradeceu por ser seu “personal stylist” e por “disciplinar” seu “lado atroz” e “cabelos esvoaçantes e agora dolorosamente confinados”. 
Perfil 
A desembargadora Maria do Socorro foi eleita por maioria, em novembro do ano passado, para assumir o cargo de presidente do órgão no lugar do colega Eserval Rocha, que administrava desde o final de 2013. Nascida na cidade de Coaraci, no interior da Bahia, Maria do Socorro graduou-se em Direito, em 1978, pela Universidade Católica de Salvador. Ingressou na magistratura em 1982 e foi promovida a desembargadora em 2007. Já foi vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) e integrou a Seção Cível de Direito Público e a Terceira Câmara Cível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário