segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Manifestação pela recuperação da rodovia Itapitanga-Coaraci

As condições da rodovia que liga Itapitanga à Coaraci (BA 651), pioram a cada dia. Seja pela falta de manutenção ou pelo trafego de veículos pesados que a pista não foi projetada pra isso. Preocupados com essa situação, a população de Itapitanga já começa a perceber que é necessário provocar as autoridades estadual e municipal, no sentido de unir forças para promover a devida recuperação nos trechos mais críticos da estrada. 

O Movimento pacífico que estar sendo organizado para o dia 13 de fevereiro(sábado), a partir das 05 horas da manhã, onde deverá interditar a rodovia nos dois sentidos, tem à frente o servidor judiciário, Gildásio Carvalho que reconhece a necessidade urgente de mobilizar a comunidade para tentar sensibilizar as autoridades, principalmente, a Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia - Seinfra, quanto as condições dos buracos que aumentam a cada dia. A mobilização estar sendo feita nas redes sociais, na rádio da cidade e pro telefone. 

A rodovia que liga Itapitanga à Coaraci foi inaugurada em 1994, no governo de Antônio Carlos Magalhães, sendo considerado a principal via de acesso e saída do município para as cidades de Itabuna e municípios circunvizinhos. Vale lembrar que no inicio do ano passado, o deputado federal Davidson Magalhães(PCdoB) intercedeu junto à Seinfra para que fosse feitos os serviços de recuperação da rodovia, onde a empresa que estava encarregada de prestar os serviços deu inicio, mas não concluiu os serviços por não ter renovado o contrato de prestação de serviços com o governo do estado. Informações do Blog do Joel Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário