quarta-feira, 17 de maio de 2017

PTN passa a se chamar "Podemos"

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, por unanimidade, ontem (16), a mudança do nome do Partido Trabalhista Nacional (PTN) para “Podemos”. O pedido de alteração do nome do partido foi relatado pelo ministro Admar Gonzaga, que acolheu a solicitação. 

O PTN obteve o registro no TSE em 2 de outubro de 1997. Renata de Abreu é a presidente nacional em exercício da sigla. O novo nome foi lançado na Bahia no último dia 4, em solenidade com o governador Rui Costa e os presidentes estadual, José Carlos Bacelar, e nacional do partido, Renata Abreu. – A luta do Podemos é contra a política do passado, que insiste em não ouvir e não representa a voz dos cidadãos brasileiros – disse Bacelar. O PTN que agora passa a se chamar "Podemos" é o mesmo partido do prefeito de Almadina Milton Cerqueira e do ex-deputado Coronel Santana.

Também o Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB) pede ao TSE para trocar o nome da legenda para “Avante”. O PTdoB conseguiu o registro na Corte Eleitoral em 11 de outubro de 1994. Atualmente, a sigla tem como presidente nacional Luís Henrique Resende.

Nenhum comentário:

Postar um comentário